Menu

Quixeramobim - Sol do Meu Sertão estreia no São João mostrando o cinema nordestino


A Quadrilha Sol do Meu Sertão, de Quixeramobim, estreou seu espetáculo 2016 na noite deste domingo, 06, no Bairro da Maravilha. O evento de estreia contou com a presença de figuras do mundo do São João, além de autoridades e patrocinadores. 

Em 2016 a Quadrilha Junina Sol do Meu Sertão abraça a temática nordestina encravada nas telonas do cinema, trazendo para os festejos do São João 2016 o tema: "Luz, Câmera, Sertão - A Sétima Arte no São João". A temática busca atingir o imaginário popular sobre a figura do Nordeste, que por vezes parece imutável.

O grupo construiu uma abordagem não do cinema em si, em sua forma própria, como local de produção de imagens e sons, mas em sua disciplinaridade na produção de filmes e na centralização do personagem retratado, o nordestino e o Sertão, fortalecendo suas representações, sua própria identidade cultural, o fazendo assim compreender como rica e forte é esta região para o Brasil.

É, talvez, difícil pensar em cinema no nosso país sem relembrar o fenômeno de “O Auto da Compadecida” - “Lisbela e o Prisioneiro”, a releitura de “O Bem Amado”, a misticidade de “O Pagador de Promessas”, “Guerra de Canudos” e a musicalidade de “Gonzaga de Pai Pra Filho”, e muitos outros.

A literatura, suas representações, sua rica diversidade cultural, as cidades, a língua, o sertanejo e o vídeo, a junção que transformou a forma de pensar em cinema de qualidade. O desafio de 2016 é maior do que o traçado no ano anterior. Este ano a expectativa é de que mais de noventa jovens estejam envolvidos diretamente com o espetáculo cênico da Sol do Meu Sertão. 

O grupo que pertencente ao Instituto Sol do Meu Sertão de Arte e Cultura, conta com apoio financeiro da Prefeitura Municipal de Quixeramobim.